Terapia Floral de Bach - Tenda Mistíca Mariana

Ir para o conteúdo

Menu principal:

Terapia Floral de Bach

Serviços

O QUE SÃO OS FLORAIS DE BACH?

Os Florais de Bach são 38 essências extraídas de flores silvestres do País de Gales, na Grã Bretanha. Seu poder de cura foi descoberto pelo médico inglês Edward Bach (de 1926 a 1934). Atuam sobre o estado emocional e são parte de uma terapia vibracional que visa levar o indivíduo a equilibrar-se energeticamente e, conseqüentemente, ao alívio ou dissolução dos problemas físico-emocionais, gerados pelo seu estado de espírito.

Dr. Edward Bach nasceu em 24 de setembro de 1886, em Moseley, uma vila perto de Birmingham,Inglaterra. Formou-se em Medicina em 1912. Em 1915, tornou-se bacteriologista do Hospital Universitário, onde desenvolveu os nosódios intestinais que ainda hoje são empregados pelos médicos homeopatas.

Em 1917, Bach teve uma hemorragia, foi operado com urgência e diagnosticado com uma doença grave e incurável, com prognóstico de apenas três meses de vida. Como queria terminar suas pesquisas com os nosódios, pediu alta hospitalar, dedicou-se plenamente aos seus estudos e, recuperou-se totalmente. Esta vivência foi decisiva para que ele atribuísse grande importância aos estados emocionais na gênese e cura das doenças.

Em 1930, resolveu abandonar o consultório e partiu para a zona rural do País de Gales em busca de novos medicamentos. Passou a percorrer os campos a procura de plantas e fixou sua atenção nas flores silvestres. Desenvolveu uma grande intuição e sensibilidade a ponto de poder sentir as vibrações de cada flor que tocava com as mãos ou com a boca, identificando desta forma seu poder de cura.

Descobriu que o orvalho e a luz solar despertam a vibração das flores e a partir daí, desenvolveu o método solar e o de ebulição, utilizados até hoje para o preparo das essências florais.

Em cinco anos, Edward Bach descobriu 38 essências florais e escreveu dois livros: "Cura-te a ti mesmo" e "Os doze curadores e outros remédios". Ele morreu em 27.11.1936, em sua casa em Mount Vernon, Grã Bretanha, onde ainda hoje funciona o "Bach Centre", onde são colhidas as flores e preparadas as essências.

PRINCÍPIO DA ATUAÇÃO DOS FLORAIS

A causa real da enfermidade, segundo Dr. Bach, seria o profundo conflito entre alma e personalidade. Este estado de desequilíbrio interno - com predomínio de vibrações negativas - seria substituído pelas vibrações positivas e harmônicas, contida na essência das flores.

O princípio da atuação dos Florais é permitir ao indivíduo refletir e trabalhar seus aspectos negativos, neutralizando-os para que aflore os aspectos positivos. O propósito é fortalecer as qualidades de modo que a personalidade possa eliminar a falhas que causam bloqueio de energia e conseqüentemente as doenças, abrindo os canais interiores onde circula a energia e elevando o padrão vibratório.

INDICAÇÃO DOS FLORAIS

Os Florais de Bach são completamente naturais e podem ser utilizados por toda a família, ou até em plantas e animais, pois sua ação é suave. O remédio floral é, em geral, preparado com água mineral, essência floral e conhaque como conservante. Entretanto, pessoas que não podem ingerir álcool, os que usam psicotrópicos e os alérgicos não devem usar o conhaque na preparação, devendo substituí-lo pelo vinagre de maça, glicerina ou apenas água.

Bach recomendava "nunca usar uma quantidade excessiva de essências juntas", portando preconizou-se utilizar no máximo cinco florais no mesmo frasco, a exemplo do Rescue Remedy (a fórmula para os estados emergenciais, composto por 05 essências).

TERAPIA FLORAL PARA ANIMAIS


Os animais tendem a reagir mais rapidamente às flores do Dr. Bach do que os humanos. Faz-se o diagnóstico de forma similar, analisando os aspectos emocionais do animal manifestados em seu temperamento e atitudes.

TERAPIA FLORAL PARA AS PLANTAS

Há algum tempo sabe-se que as plantas também sofrem em conseqüência de choques, quedas, quando transplantadas e que reagem negativamente ao excesso de frio ou calor. As essências florais são indicadas no tratamento desta sensibilidade, ajudando também a eliminar pragas, estimulando o crescimento e vitalidade.

A CONSULTA CONSISTE EM:

Entrevista (ficha de anamnese).

Diagnóstico.

Prescrição da essência ou composto essencial ideal

No início do tratamento é necessário acompanhamento de 15 em 15 dias, devendo o paciente retornar à consulta para avaliação.

O monitoramento do quadro clínico do paciente é conforme orientação do terapeuta.

A terapia floral NÃO SUBSTITUI os tratamentos médico e veterinário. Deverá ocorrer paralela à medicina tradicional quando necessária e não há contra-indicação no uso concomitante aos medicamentos alopáticos.

OBS: As receitas são personalizadas de acordo com a necessidade de cada indivíduo.

A DIFERENÇA ENTRE MEDICAMENTOS ALOPÁTICOS E HOMEOPÁTICOS.

Para entender a diferença entre estes dois tipos de medicamentos é necessário primeiro entender a diferença entre alopatia e homeopatia.

A Alopatia é a medicina tradicional, que consiste em utilizar medicamentos que vão produzir no organismo do doente reação contrária aos sintomas que ele apresenta, a fim de diminuí-los ou neutralizá-los. Por exemplo, se o paciente tem febre, o médico receita um remédio que faz baixar a temperatura. Se tem dor, um analgésico.
Os medicamentos alopáticos são produzidos nas indústrias em larga escala, ou em farmácias de manipulação de acordo com a prescrição médica. São os principais produtos farmacêuticos vendidos nas farmácias e drogarias.
Os principais problemas dos medicamentos alopáticos são os seus efeitos colaterais e a sua toxicidade.

Homeopatia é uma palavra de origem grega que significa Doença ou Sofrimento Semelhante. É um método científico para tratamento e prevenção de doenças agudas e crônicas, onde a cura se dá através de medicamentos não agressivos que estimulam o organismo a reagir, fortalecendo seus mecanismos de defesa naturais.
O medicamento homeopático é preparado em um processo que consiste na diluição sucessiva da substância, devendo seguir todas as normas sanitárias e os cuidados para o seu uso, como qualquer outro medicamento. Os medicamentos homeopáticos podem ser utilizados com segurança em qualquer idade, até mesmo em recém nascidos ou pessoas com idade avançada, desde que com acompanhamento do clínico homeopata.

Não se automedique! Nossa terapeuta terá imenso prazer em ajudá-la. LIGUE E INFORME-SE!

 
 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal